domingo, 8 de maio de 2011

Alguns conceitos: brechó, bazar, sustentabilidade.


Inspirado e extraído do programa Fashion Splash da FashionTV Brasil. Assistam e curtam!


O assunto abordado foi menos tendencia, mais individualidade. Respeitando o seu corpo, usando roupas confortáveis, com várias influencias e personalidade. Uma mistura de estilos, sobreposição de camadas. O poder da grife passou a ser menor com relação a informação, valor da edição do look, onde se comprar, garimpo de peças. Tempos de crises e transformação, bom e barato.
Hoje, moda é ter "olho", qualidade, importancia e durabilidade, preço não é conceito absoluto. Em um país de muita desigualdade, como o Brasil, não gaste muito com fashionismo, pois o look só será "útil" enquanto estiver na moda. Fast fashion, que com a internet vem ditando a moda no mundo, com volumes muito maiores conseguem a todo tempo colocar coisas novas nas vitrines e assim manter um ar de "última tendencia" em suas coleções. Acompanhando a rapidez que a internet impõe as tendências. Hoje por um preço mais acessivel você consegue montar o look que quiser, tanto em lojas de shopping centers como em camelodromos. Você editor de você. A informação abre para a aceitação, o importante é ser autêntico. Liberdade de usar o que quiser. Hoje não tem distância para a informação e como todo muno tem tudo, taí a criatividade para usar diferente, "traduzir uma tendencia de moda para o seu bolso". Descubra o que é tendencia para você.
A reciclagem, sustentabilidade, questões ambientais é que andam falando cada vez mais alto e estão na moda, mais por necessidae e menos por estilo para a maioria das pessoas. Aprender a respeitar a natureza. Moda green, literalmente ecologica e com praticas politicamente corretas, a indústria da moda vem caminhando nessa direção, reciclando o antigo na construção do novo, "lixo virando luxo". "A moda e a ecologia se encontram, os aterros sanitários agradecem". Parar de comprar o status que a peça dá. Ter dinheiro não significa ter estilo. É cafona gastar mais com luxo do que com o que é realmente necessario.
Estar na moda hoje é estar fora de moda. Fazer força para ser notado. Moda é hoje, é aqui, é "JÁ". A maneira como se tem usado as coisas é nova mas o que é usado é antigo, tudo já foi dito, usado, existe hoje uma ansiedade pelo novo, dificil de dizer. A cara da moda tem sido e diversidade e a liberdade absoluta, individualismo, sobreposição de idéias. Remakes, moda cíclica. Saia do superficial, viva! Porque hoje a moda é a sua moda, é a sua descoberta, o seu próprio achado, desde que seja de verdade aquilo que mais se parece com a imagem que você tem de você mesmo, ou com a imagem que você quer passar para os outros.

Moda hoje é se descobrir.

SeMoage.

4 comentários:

  1. Moda hoje é ser vc mesma... e gostar de ser vc mesma!

    ResponderExcluir
  2. "lixo virando luxo" - acho chique!!!

    ja estou eguindo amore!

    parabéns pelo blog, está demais!!!
    beijos cheios de moages :*

    ResponderExcluir
  3. Isso aí!

    Obrigada, suas lindas! ;D

    ResponderExcluir
  4. Muito bom o assunto, muito conteúdo!
    Parabéns!

    ResponderExcluir